terça-feira, 15 de setembro de 2009

De novo

Partir de novo
percorrer velhas estradas
refazer conversas interrompidas
retomar projetos perdidos
olhar o recanto escondido
onde talvez estivermos
juntos
separados
no dia que ficou distante e esmaecido.

Lá onde rostos novos
repetem antigos provérbios
e dizem verdades
aos que unidos
procuram
o inacessível.

(Mauro Salles em sua obra "O Gesto")

Nenhum comentário:

Postar um comentário